Bio Cursos

| 06/07/2020

Álcool em gel nas mãos requer cuidado para evitar queimaduras graves

Gomos de Laranja

Álcool em gel nas mãos requer cuidado para evitar queimaduras graves

Em época de pandemia, o uso do álcool em gel incorporou-se à rotina de grande parte das pessoas, sendo bastante utilizado na higienização das mãos. No entanto, o produto pode causar ressecamento e queimaduras na derme. Com o excesso do uso de álcool, os cuidados não devem ser esquecidos, pois a utilização contínua do produto tende a deixá-las mais secas.
É necessário ficar atento para não lavar excessivamente o rosto, ainda mais tendo os produtos sempre à mão. A ação pode afetar o manto hidrolipídico da pele, que age como uma barreira de proteção favorecendo a penetração de microrganismos.
Após o uso constante de produtos de higienização, aposte em cremes, óleos naturais e vitaminas do complexo B específicos para a pele. Assim como a ingestão constante de água para hidratar o corpo todo.
Os mesmos cuidados devem ser tomados, e até reforçados, ao utilizar o álcool 70% na versão líquida. Especialistas alertam que o uso do produto deve ser feito apenas se a pessoa não tiver água e sabão por perto.



Por
Larissa Lara
Assessoria de Comunicação Bio Cursos




Nossos Parceiros

logo_HTM