Bio Cursos

| 21/06/2022

Importância e atuação do fisioterapeuta na Fisioterapia Cardiorrespiratória

Gomos de Laranja

Importância e atuação do fisioterapeuta na Fisioterapia Cardiorrespiratória

A fisioterapia por muitas vezes é pensada em uma profissão que visa apenas cuidar da saúde dos músculos e dos ossos, entretanto, existem diversas especialidades nesse campo. Uma delas é a Fisioterapia Cardiorrespiratória, na qual os fisioterapeutas intervêm na reabilitação das funções respiratórias e cardíaca antes e após a cirurgia, quando assim é recomendada aos pacientes.
Presente em diversos setores do Sistema de Saúde, como em hospitais, centros especializados em reabilitação, consultórios particulares, prática privada, entre outros. Esta promissora área tem como principal finalidade aperfeiçoar a qualidade de vida relacionada com a saúde e condição física dos pacientes. A intervenção da fisioterapia cardiorrespiratória tem impacto, sobretudo, nos sistemas cardíaco, respiratório, vascular e metabólico.
Com abordagem abrangente, a especialização, em consonância com a Organização Mundial da Saúde – OMS, preconiza o tratamento de pacientes com doenças cardíacas por meio da Reabilitação Cardiovascular, Pulmonar e Metabólica (RCPM), caracterizando a reabilitação como uma integração de intervenções, denominada "Ações não Farmacológica" para assegurar as melhores condições físicas, psicológicas e sociais para o paciente com doenças Cardiovasculares, pneumofuncionais e Doentes criticamente enfermos de modo Geral.
Ocasionando melhora efetiva e efeitos favoráveis em pacientes, a fisioterapia cardiorrespiratória demonstra significativas reduções da morbimortalidade, da taxa de hospitalização, e ganho expressivo da qualidade de vida, justificando a sua consensual e enfática recomendação pelas principais sociedades médicas do mundo.
O profissional especializado nesta área presta assistência a pacientes cardiopatas e pneumopatas, clínicos ou cirúrgicos, em tratamentos de reabilitação de doenças, nos períodos de pré e pós-operatório, em diferentes unidades de internação hospitalar. Contudo, a presença do fisioterapeuta cardiorrespiratório em unidades de saúde é de grande importância.
A pandemia de COVID-19 contribuiu muito para que os profissionais especializados em Fisioterapia Cardiorrespiratória ganhassem mais notoriedade. De acordo com dados fornecidos pela Associação Brasileira de Medicina Intensiva, a procura por Fisioterapeutas especializados foi a que mais cresceu, com um aumento de 187%, afirmando que hoje, ainda haja déficit de quase 2.000 Fisioterapeutas Especialistas para atender às demandas das unidades hospitalares.
A pós-graduação em Reabilitação em Fisioterapia Cardiorrespiratória irá capacitar profissionais para a reabilitação de pacientes com doenças que atingem o coração e o aparelho respiratório. Nossa pós-graduação terá um grande diferencial das demais pós-graduações do mercado de trabalho nos dias de hoje pois além de proporcionar ao profissional aluno noção teórica e habilidades práticas a vivência clínica, proporcionando assim uma satisfatória experiência ao aluno.
Com duração de 16 módulos, a especialização irá iniciar nos dias 10, 11, 12 e 13 de outubro de 2022, A pós irá abordar aspectos teóricos e práticos que preparam os profissionais para avaliar e reconhecer alterações funcionais. Durante a especialização, nossos alunos serão apresentados a conteúdos que abordam os três níveis de atenção à saúde.
Para mais informações sobre a Pós-Graduação em Reabilitação em Fisioterapia Cardiorrespiratória, entre em contato através do número: Consultora Nathali Silva , ou pelo e-mail: atendimento1@portalbiocursos.com.br
Aprimore as habilidades para assistência fisioterapêutica de pacientes cardiopatas e pneumopatas e esteja apto para realização de atividades de ensino e pesquisa na área cardiorrespiratória em unidades de internação geral e terapia intensiva.



Por
Larissa Lara

Assessoria de Comunicação Bio Cursos





Nossos Parceiros

logo_HTM