Bio Cursos

| 15/10/2020

Outubro Rosa: Alimentos aliados no tratamento do câncer de mama

Gomos de Laranja

Outubro Rosa: Alimentos aliados no tratamento do câncer de mama

Ter uma alimentação saudável é importante em qualquer circunstância da vida. Pacientes que estão passando pelo tratamento de um câncer de mama devem seguir uma dieta balanceada, contendo porções adequadas de legumes, verduras, frutas e proteínas, que permita a ingestão rica de nutrientes para fortalecer o organismo, dar disposição e consequentemente contribuir para o restabelecimento da saúde.
Conforme dados disponibilizados pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA), alguns pacientes em tratamento contra o câncer de mama podem apresentar alguns efeitos colaterais que podem ser suavizados com alimentos específicos.
Confira a lista de alguns dos alimentos que não podem faltar na dieta:

1- Broto de Alfafa
Pacientes em tratamento não costumam sentir vontade de ingerir proteínas, devido o gosto metálico que acabam sentindo. Por produzirem enzimas digestivas e vitaminas do complexo B, os brotos auxiliam no "estufamento" provocado pela digestão das proteínas, como carnes, frangos e peixes;

2 - Alho
O alho é conhecido A alicina, composto benéfico para o tratamento do câncer, vem se mostrando eficaz na inibição do crescimento das células tumorais, especialmente de mama. Indicação: 1 dente de alho por dia (Além disso também auxilia no cardápio terapêutico dos 3 a 4 mil pontos, pois cada dente de alho tem 215 pontos positivos). Dê preferência consumir o alho amassado que libera mais alicina;

3 - Azeite de oliva (extra virgem)

O azeite de oliva (extra virgem) é o único óleo com pontuação anti-inflamatória (Cada colher de sopa tem 74 pontos) quem está em tratamento contra o câncer o cardápio deve ter por volta de 3 a 4 mil pontos, por isso ele deve ser sempre associado com alimentos saudáveis;

4 - CebolaRoxa:

A cebola roxa auxilia os rins a filtrarem das toxinas e o sangue, dando ao paciente melhor disposição e oxigenação. Além de ser rico em quercetina, um antioxidante que não atrapalha a quimioterapia e auxilia as células de câncer a não se desenvolverem novamente. Recomendação 1/4 de xícara de cebola roxa por dia.
Escolhas alimentares são de suma importância, pois enquanto alguns alimentos tendem a ajudar a proteger o corpo contra uma doença, outros podem aumentar o risco de desenvolver um câncer. Lembre-se, uma dieta nutritiva é vital para que o organismo funcione melhor.

Prevenção é a palavra de ordem no mês de outubro, mas que deve ser levada a sério durante todo o ano. Afinal, se cuidar também é um ato de amor. Com você, com sua saúde e com sua vida.




Por

Larissa Lara

Assessoria de Comunicação Bio Cursos





Nossos Parceiros

logo_HTM